Guía turística de Jerusalém

Jerusalém

Construída há mais de cinco mil anos, entre o Oriente e o Ocidente, Jerusalém foi e será uma das cidades mais emocionantes do mundo, com uma história que cativa e um patrimônio que a levou a se tornar uma Cidade Santa para as três principais religiões monoteístas do mundo.

O brilho dourado do Domo da Rocha ilumina as igrejas, mesquitas e sinagogas que pontilham as ruas estreitas de Jerusalém, onde todos são bem-vindos.

Por que visitar Jerusalém?

Protegida pelas Montanhas da Judeia e repleta de pedras calcárias, Jerusalém é uma cidade que até desperta a curiosidade das mentes mais indiferentes. Poucos lugares no mundo podem se orgulhar de concentrar tamanha magnitude de arte, história e tradição em um lugar tão especial como a Cidade Velha de Jerusalém, a origem da Cidade Santa. 

Essa rede de ruas labirínticas e sem nenhum planejamento desprende uma energia e um magnetismo difíceis de explicar. Passeando pela Cidade Velha, é possível ver igrejas, mesquitas e sinagogas repartidas pelos quatro bairros de Jerusalém. Aqui, os olhos do turista se encontram com o olhar dos apressados judeus ortodoxos, os animados muçulmanos do souk e os solenes peregrinos cristãos.

Jerusalém foi batizada como a cidade três vezes santa. De acordo com a tradição cristã, Jerusalém foi o cenário da crucificação, morte e ressurreição de Jesus Cristo. Para os muçulmanos, aqui foi onde Maomé ascendeu aos céus a partir do majestoso Domo da Rocha. Por outro lado, os judeus veneram a Cidade Santa por abrigar o mais importante vestígio histórico do Templo de Salomão: o Muro das Lamentações

Porém, além de religião e espiritualidade, viajar a Jerusalém também significa abrir os olhos, os ouvidos e o coração a novas sensações. Dessa maneira, você poderá entender a mistura de culturas tão especial que se respira em cada esquina da cidade, onde as calças jeans e as minissaias se misturam com os turbantes e quipás, criando a mais bela obra de arte: Jerusalém!

Por onde começar?

Como mencionamos antes, é importante ter os olhos bem abertos durante a sua visita a Jerusalém. Passear pelas suas ruas movimentadas já é uma atração à parte, complementada, isso sim, pelos seus históricos monumentos

O Muro das Lamentações, o Domo da Rocha e o Santo Sepulcro são o triângulo de ouro do patrimônio de Jerusalém. Depois dessas joias da história da arte, a abarrotada Via Dolorosa ou o sagrado Monte das Oliveiras seguem a lista de monumentos imprescindíveis de Jerusalém.

Para saber mais sobre a história recente do povo judeu, o melhor é visitar o Memorial do Holocausto, um lugar dedicado à memória e reflexão. O Museu de Israel é o outro dos museus importantes de Jerusalém, famoso em todo o mundo por abrigar os Manuscritos do Mar Morto, documentos de valor inestimável.

E se isso tudo ainda não é suficiente para encher a mala de lembranças, Jerusalém também é o ponto de partida de inúmeras excursões à cidades próximas, como Belém, NazaréMassada ou o Mar Morto. O que você ainda está esperando?

Você ainda não tem hotel?

No nosso buscador você poderá reservar hotéis de todas as categorias com o preço mínimo garantido. Os descontos podem chegar até 75% e o pagamento é feito diretamente na hospedagem.

Hotéis em Jerusalém - Reserva online com o preço mínimo garantido.

top de atividades

Por que usar o nosso guia de Jerusalém?

Escrito por viajantes e para viajantes, este guia turístico de Jerusalém contém informações úteis para que você possa aproveitar ao máximo o seu tempo na Terra Santa. Com a nossa ajuda você poderá conhecer todos os monumentos imprescindíveis da cidade, onde degustar os pratos típicos da gastronomia israelense, as melhores zonas para se hospedar e muitas outras informações para fazer turismo em Jerusalém.

As informações e dados práticos foram coletados em fevereiro de 2020. Se você encontrar um erro ou vir algo que devamos alterar, entre em contato conosco.

Faça download da app da Civitatis

Os nossos guias de viagem

  • o que ver
  • onde dormir
  • compras
  • transporte
  • e muito mais